Pular para o conteúdo principal

Jaguar F-Type 2019

O Jaguar F-Type 2019 com o motor de quatro cilindros mais potente que a marca já produziu, já está à venda. Com 300 cavalos de potência, o F-Type alcança 100 km/h em 5,7 segundos. Os preços são de R$ 339.929 e R$ 346.144.

O propulsor é um Ingenium 2.0 a gasolina com 52 quilos a menos que o irmão V6. O torque é de 40,8 kgfm, e a transmissão é a Quickshift de oito velocidades. A inglesa também se dedicou a manter o “ronco” do motor do Jaguar F-Type, com entradas e saídas de ar desenhadas para tanto. 

Outras mudanças no esportivo são novas tecnologias de assistência à direção. Entre elas, Frenagem Autônoma de Emergência, Reconhecimento de Sinais de Trânsito, Piloto Automático Adaptativo e Assistência para Troca de Faixa de Rolamento.

Além do Ingenium, o Jaguar F-Type 2019 também tem configurações com um motor V6 Supercharged de 380 cavalos e V8 Supercharged de 575 cavalos, este último presente na versão SVR.
O inglês é voltado para a direção esportiva, com apenas dois lugares na cabine, carroceria de alumínio que oferece leveza, tração traseira e centro de gravidade baixo, o que traz mais estabilidade. 

No novo modelo, o F-Type teve um motor desenvolvido para oferecer a potência e torque a partir das 1.500 rotações. A velocidade máxima é de 250 km/h. 
A marca afirma que o Ingenium 2.0 tem a potência específica mais alta de toda a gama do modelo, de 150 cv por litro. No Brasil, o novo Jaguar pode ser equipado com rodas de 20 polegadas, em pronta entrega, ou de liga leve de 19 polegadas, que devem ser encomendadas – segundo a própria. Os preços são de R$ 339.929 para a configuração cupê e R$ 346.144 para a conversível.

Mais visitados

BMW 320i 2019

A nova BMW 320i 2019 chega às lojas com novidades e mudanças, graças a nova geração. A série 3 da BMW, é a linha de entrada dos carros de luxo dos modelos sedan da montadora alemã BMW, e está sendo produzida já há seis gerações. Mas o mais curioso da BMW série 3, é que os carros que a compõem vão desde o sedan mais comum como é mais conhecido no Brasil, a BMW 320i, até um carro com performance esportiva que também compõe a linha ”M” da BMW, que é a linha esportiva da montadora, a BMW M3.

A BMW 320i, é um sedan muito desejado, até mesmo na sua geração anterior que por ter um preço menor, é procurado pelos clientes para que possam ter o prazer de dirigir uma BMW.
Na nova BMW 320i 2019, o motor vai ficar mais potente, que assim como a BMW X1, terá versões com o xDrive, que é a tração 4×4, e nos modelos sem esse recurso, a tração será traseira, uma ótima notícia para um carro como esse. O modelo 2019 também terá uma carroceria completamente diferente, mais leve, e mais aerodinâmica, garantin…

Mitsubishi Outlander PHEV renova-se para 2019

Disponível no mercado brasileiro somente com motorizações a gasolina e turbodiesel, o Mitsubishi Outlander conta com uma configuração híbrida de carregar na tomada há mais tempo no ativo acaba de se renovar, mas por enquanto só lá fora. À renovação conta com novos faróis de nevoeiro e uma grelha com maior personalidade, mas no entanto, a renovação é mais profunda do que parece. Há um novo motor 2.4 a gasolina, agora com ciclo Atkinson, e um novo motor elétrico no eixo traseiro. O motor elétrico dianteiro mantém-se inalterado. Toda a eletrónica foi revista com o objetivo de melhorar a experiência de condução. A suspensão também foi afinada, tal como a direção, agora mais ligeira e agradável de utilizar em cidade. Uma nova bateria com 13,8 kWh aumenta a velocidade máxima do modo EV para os 135 km/h e permitindo uma autonomia de 35 km no modo elétrico. Dados de potência, torque e desempenho, porém, ainda não foram divulgados.A nova linha do crossover híbrido da Mitsubishi será apresentada …

Bugatti Veyron

O Bugatti Veyron Super Sport não é o carro de produção mais rápido do mundo. De acordo com o Guinness World Records, o modelo infringiu uma regra quando quebrou o recorde, em 2010. É que o modelo vendido pela marca é diferente do modelo que atingiu os 431 km/h. Para o público, o carro é oferecido com um limitador de velocidade, que restringe a velocidade máxima em 415 km/h. “Como o limitador de velocidade do carro foi desativado, esta modificação foi contra o regulamento oficial. Consequentemente, o recorde de 431,072 km/h não é mais válido”, declarou Jaime Strang, diretor de relações públicas do Guiness, ao jornal britânico The Sunday Times. Já a Bugatti discorda da decisão e disse que os carros são equipados com limitador de velocidade apenas por segurança. 
O Hannessey Venom GT deverá assumir o posto de carro de produção mais rápido do planeta. O esportivo alcançou a marca de 427 km/h em fevereiro e foi, inclusive, com este número que a preparadora entrou com um pedido oficial reivi…

Suzuki New Jimny será apresentado no salão do automóvel

A chegada da nova geração não aposenta o modelo atual - eles vão conviver no mercadoEnquanto isso não acontece, o novo Jimny (que ainda não foi lançado em nenhum mercado do mundo) deverá ser oferecido como importado.
Segundo fontes, o jipinho deve ser apresentado no Brasil no Salão do Automóvel, em novembro.

Sua chegada não aposenta o modelo atual (foto).

O plano da fábrica é manter os dois modelos 4×4: um como Jimny e outro como New Jimny. 

A produção em Itumbiara havia sido encerrada em 2015 em uma reestruturação da empresa. 

À época, a linha de montagem foi transferida para a fábrica da Mitsubishi, em Catalão, a 207 km dali.

Novo SUV C4 Cactus Nacional

Fabricado em Porto Real (RJ), o novo SUV disputará mercado entre os compactos Visual exterior idêntico ao europeu (Divulgação/Citroën)
A Citroën revelou nesta segunda (07) as duas primeiras imagens do novo C4 Cactus nacional. O SUV será fabricado em Porto Real (RJ) e chega às lojas no segundo semestre. A marca não revelou detalhes do modelo, mas, segundo o jornalista Marlos Ney Vidal, do site Autos Segredos, o C4 Cactus nacional usará os mesmos motores 1.6 do Peugeot 2008, aspirado (até 122 cv) e turbo (até 173 cv).
A diferença é que, ao contrário do “irmão”, o C4 Cactus terá câmbio automático de seis marchas também na versão topo de linha THP. Isso permitirá um posicionamento de preços superior ao Peugeot, que atualmente vai de R$ 72.990 a R$ 87.190.
C4 Cactus nacional ganhou uma grade do radiador maior, para melhorar a refrigeração em climas quentes, e perdeu, ao menos na versão fotografada, sensores de estacionamento laterais e o teto-solar panorâmico. Também não se sabe se o modelo…